Ivone Rosa

CIDADE INVISÍVEL

Uma cidade crescida,
deserta vista do alto.
Definida por quem a desbrava
Apenas como avenidas, ruas, vielas e becos…
Avenidas que são membros, mas não se movem,
Ruas que eram artérias entupidas
Becos que são dedos que indicam, mas não mostram…

Um mapa em forma de útero.
Em cada esquina um segredo,
Em cada canto um medo
Em cada casa um “eu”.

Somente uma cidade só.
Autossuficiente…
Se destrói e se constrói…
Na dança do tempo
Se mutila e se afaga em seus pensamentos
Subterrâneos de restos
Como em qualquer cidade
de que se alimentam as flores;
seu nome:
“das Dores” !

IVONE ROSA

Mostrar mais

Ivone Rosa

Professora de Literatura & Produção Textual Pós- Graduada em Gestão Educacional Roteirista formada pela Academia Internacional de Cinema-AIC/RJ Poetisa, cronista e contista 1º lugar - melhor intérprete Concurso Poesia SESC Niterói/RJ Menção Honrosa -Concurso Poesia -Duque de Caxias /RJ Participações: Antologia Diário da Poesia, Biografia Jornalista Jota Sobrinho, Diário em Poemas, Almas em prosa e verso, Coletânea Diários Escritos. Participações nos Fanzines: Poezine[Lit.na Varanda] e SerMentes - Sec.Educ.Niterói/RJ Palestrante Escola Pública sobre a Resistência da Mulher

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: