Davi Noronha

Que legal!

Os meus anjos me deixaram

Converso com o demônio que criei

Pra me fazer companhia

Não aguento minha contradição

Me matei e me salvei

Em menos de um dia

Como vento, tudo passa

Me vendo

Pra não ver o que inventei

Acho que cansei das minhas mentiras

Tipo, quando papel e caneta se encontraram

Me enganei

Achando que podia escrever poesias

Tipo, quando nossos lábios, se tocaram

Nossos corpos, se encaixaram

Igual um lego

Que legal!

É mito dizer que meus neurônios evaporaram

Na minha mente, te acharam

E fiquei cego

Que legal!

Mostrar mais

DNA

Davi Noronha é um jovem poeta e um músico iniciante. Sonhador e bastante clichê. Uma pessoa que quer viver do seu sonho, mas, ao mesmo tempo, com medo da rejeição. Buscando aprovação até mesmo nessa biografia rs. Acho que sou isso...

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: